80%
Você está ouvindo: Rádio PWZ

HOME / Matéria / Futebol, um jogo cada vez mais sujo

Futebol, um jogo cada vez mais sujo

29/05/2015
Araraquara / SP
Jonas Bezerra
Foto: Reprodução/AFP

Numa entrevista do ex jogador Alex, um dos líderes do Bom Senso, ele afirma que a Globo manda no futebol brasileiro – o que não seria novidade à ninguém. Ainda na mesma entrevista, Alex critica o horário dos jogos durante a semana – quarta-feira, às 22h – o que considera desumano.

Não me recordo o dia, mas foi logo após a Copa do Mundo, no primeiro jogo realizado na Arena Itaquera, a Globo criticou a Prefeitura de São Paulo por não disponibilizar o metrô após o jogo do Corinthians, numa quarta-feira à noite, acarretando transtornos aos torcedores. Ora! Imagine o torcedor saindo a meia-noite do estádio. É um absurdo!

Outro fato refere-se a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. A Globo gravando matérias com jogadores brasileiros na concentração da equipe, personalidades globais presentes em treinos que não duravam meia-hora, helicópteros chegando e saindo da concentração. Enfim, um verdadeiro circo midiático que todo mundo já sabe o desfecho. No lado econômico, o futebol é um mercado bilionário, um balcão de negócios corruptos que dá náusea.

Neste cenário e nesta onda de desabafo - passando pelos superfaturamentos na construção dos estádios para a Copa do Mundo no país, em 2014, à prisão de membros do alto escalão da Fifa, ontem na Suíça - são fatos que caracterizam a situação doentia de um dos principais esportes do planeta. Pelo andar das denúncias, tudo isso não chega nem ser a pontinha do iceberg.

Muitas notícias irão circular na mídia nos próximos dois ou mais anos. Nomes conhecidíssimos de cartolas do futebol mundial irão estampar as manchetes com denúncias de corrupção. Um deles é o de Marco Polo Del Nero, presidente da CBF (Confederação Brasileira de futebol), que já "retornou" desesperadamente ao Brasil, antes da eleição que irá eleger o novo presidente da Fifa na Suiça.

Disso tudo que está acontecendo, ainda sou pragmático e realista: aqui no Brasil, pago para ver quem irá preso. Se a Justiça funcionasse no Brasil, antes de Marin, dezenas de cartolas já teriam sido presos. “A máfia aqui domina o futebol em todos os lados”. Triste para o torcedor.

 

Galeria de Fotos

Comentário(s) - 0

Seja o primeiro a comentar.